A força de Franklin Roosevelt

“Somos realmente testados quando a tristeza chega. Porque só quando se esteve no vale mais profundo se pode saber como é magnífico estar na montanha mais alta”.

Volte atrás e leia atentamente este pensamento breve mas sublime de Franklin Roosevelt –o 32º Presidente dos Estados Unidos-, brilhante estadista norte-americano(três vezes reconduzido à Casa Branca). Como se sabe Roosevelt não teve uma existência marcado pela facilidade, desde que em 1921 um ataque de poliomiolite o deixa praticamente paralítico.

Mesmo assim, sempre se moveu enérgica e brilhantemente, não só na esfera política como na sua própria vida. Nunca cedeu às dificuldades, foi um lutador a tempo inteiro e ainda hoje, é reconhecido por analistas e historiadores como um dos mais lúcidos e vigorosos políticos que passou pela Casa Branca, quase sempre em cadeira de rodas.

É fácil de imaginar como na época, sem a capacidade de utilizar as técnicas modernas que existem actualmente na Medicina, deve ter sido dolorosa, penosa mesmo, a sua luta em termos físicos. Para o tradicional “homem mais poderoso do Mundo” (como ainda hoje é conhecido o Presidente dos Estados Unidos),os dias nasciam sempre difíceis mas ele, como todos nós, encerramos no computador mais perfeito deste planeta azul e transparente, o cérebro, a capacidade indestrutível do querer. E os que a querem utilizar não desanimam nem perante as dificuldades nem perante as diferenças.

Roosevelt foi dos muitos exemplos que na História deixaram marcada a sua tenacidade e o seu valor. Mas não é preciso ser Presidente para se ser lutador. Nem é exigido que façamos História. Se tal acontecer, tanto melhor, mas o importante é o ser humano dar à sua mente e ao seu corpo a possibilidade de querer deixar o vale da tristeza e do desespero para subir à montanha mais alta.

É que o corpo humano, como disse Franco Ossola, seu profundo conhecedor, “…é um centro energético por excelência, é um turbilhão de constelações, sóis,planetas, radiações de luz e fluxos vitais, interpenetrando-se de forma tão inteligente a ponto de levar a acreditar em milagre…”. Fascinante esta análise, não é? E como analisar as capacidades da mente humana? É um mundo fascinante e inesgotável que nos deixa frente à possibilidade de lutar quando situações inesperadas ou dolorosas nos atingem.

Agora que a Noite de Natal está a chegar, é preciso recordar que é uma época que pode oscilar entre a grande alegria, a grande infelicidade, tristeza ou solidão. Há excessos de emoções. Seja qual for a sua situação não se deixe abater por sentimentos penosos. É a altura certa de revigorar a luta porque quando se quer, consegue-se!

O 2007 pode não ter sido um ano de sonho, nada correu como queria; clinicamente o seu estado já teve dias melhores; a saudade dos ausentes pesa muito no coração; as dificuldades financeiras atrapalham tudo. É verdade. Essa verdade tocou a muitos, mas a vida continua e você, hoje, vai querer preparar-se para enfrentar 2008, de peito aberto, desafiando a vulnerabilidade e a grandiosidade da força humana.

Quer esteja radioso, pálido, sozinho, acompanhado, doente, ou pleno de vitalidade, vai prometer a si próprio abrir os braços a um ano todo novinho para ser vivido e vai dar a magnifica oportunidade a si próprio de subir à montanha mais alta, onde se avista e se sente a beleza, a felicidade, o amor e a vontade poderosa de vencer.

Feliz Natal e Feliz Ano Novo


.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s