AS MÃES TAMBÉM ERRAM!

Deixa de jogar à bola e vai estudar para poderes ter um bom futuro…. (Mãe de Cristiano Ronaldo)


Com apenas 11 anos, Cristiano, deixou a Madeira, onde nasceu, e veio para Lisboa, ingressando nos juvenis do Sporting Clube de Portugal. A estreia nos relvados foi em Setembro de 2002, defendendo o Sporting, quando tinha 17 anos e fez um jogo de tal forma empolgante que os jogadores do Manchester United, no voo de regresso a Inglaterra, pediram a Sir Alex Ferguson a sua contratação para substituir David Beckham, que se tinha transferido para o Real Madrid. A sua carreira tem sido verdadeiramente notável.

-JogadorJovem do ano (2005)
-2º lugar na eleição do Melhor Jogador Jovem do Mundial de 2006
-Melhor Jogador Jovem da Liga Inglesa (2006/7)
-Melhor Jogador da Liga Inglesa (2007)
-3º Melhor Jogador do Mundo (2007)
-Melhor Jogador da Liga Inglesa (2008)
-Melhor jogador da Liga dos Campeões 2007/2008
-Melhor Avançado da Liga dos Campeões 2007/2008
-Bota de Ouro 2007/2008

*Pára de gritar…
(Mãe de Pavarotti)

Luciano Pavarotti, foi um tenor lírico italiano -um dos mais importantes de todos os tempos-, grande intérprete das obras de Donizetti, Puccinie Verdi, entre outros no seu grande repertório. É reconhecido como o tenor que popularizou mundialmente a Ópera. Participou, com José Carreras e Plácido Domingo, nos famosos concertos Os Três Tenores, e gravou duetos com Frank Sinatra, Ricky Martin, Laura Pausini, Spice Girls, Bryan Adams, Andrea Bocelli, entre muitos outros, especialmente em causas beneficentes. Cantou nos mais importantes teatros mundiais, como o Teatro Scala (Milão), a Royal Opera House (Covent Garden, Londres), o Metropolitan Opera House (Nova Iorque), entre outros. Em 1988, o nome de Pavarotti foi incluído no Livro Guinness dos Recordes por uma ovação que durou uma hora e sete minutos, recebida na Opera de Berlim. A sua última apresentação foi em Turim, durante os Jogos Olímpicos de Inverno, em Fevereiro de 2006; cantou, pela última vez, Nessun Dorma, na cerimónia de abertura. Faleceu a 6 de Setembro de 2007. Tinha 71 anos.



*Deixa de brincar com essas máquinas ou nunca terás nada na vida… (Mãe de Bill Gates)

William Henry Gates III, mais conhecido como Bill Gates, é, em parceria com o sócio Paul Allen, o fundador da Microsoft, a maior e mais conhecida empresa de software do mundo. Foi fundada em 1975 por Bill então com 19 anos, em parceria com Paul. Em 1980 a empresa deu um passo decisivo ao adquirir a Seattle Computer Products, o sistema operativo 86-DOS. Foi o começo do maior caso de sucesso empresarial da história americana. O multimilionário Bill Gates voltou agora a ocupar o lugar de homem mais rico dos Estados Unidos, superando Warren Buffet, que viu a sua fortuna reduzida, fruto da actual crise financeira.


*É a última vez que rabiscas as paredes da casa de banho…
(Mãe de Michelangelo)

Michelangelo (Miguel Ângelo) di Ludovico Buonarroti Simoni foi pintor, escultor, poeta e arquitecto renascentista italiano. Apesar de ter feito poucas actividades além das artes, a sua versatilidade em vários campos fez com que rivalizasse com Leonardo da Vinci. Foi genial em vários campos e, além disso, também recebeu tarefas diplomáticas. Duas de suas mais famosas obras (a Pietà e o David) foram realizadas antes de seus trinta anos. Apesar de sua pouca paixão pela pintura, criou duas obras históricas: as cenas do Génesis, no tecto da Capela Sistina (quatro anos de trabalho intenso) e O Juízo Final, também no mesmo local. Projectou a cúpula da Basílica de São Pedro, em Roma. Entre as suas outras esculturas, contam-se a Virgem, Baco, Moisés e os seus frescos mais famosos são: A Criação de Adão e Adão e Eva no Paraíso.


*Pára de bater na mesa, estou cansada desses ruídos…
(Mãe de Samuel Morse)

Samuel Finley Breese Morse foi um inventor e pintor de retratos e cenas históricas da América. Tornou-se mundialmente célebre pelas suas invenções: o Código Morse e do Telégrafo. Aos quatro anos de idade mostrava grande interesse pelo desenho e, aos 14, ganhava o seu próprio dinheiro fazendo desenhos dos seus amigos e pessoas da cidade. Ainda na época de colégio, Morse escreveu uma carta aos pais dizendo que se queria tornar pintor. Os pais, preocupados com o seu futuro, preferiram transformá-lo num vendedor de livros. Desse modo, Morse passou a vender livros de dia e a pintar à noite. Ante a persistência do artista, os pais decidiram mandá-lo para Londres para que estudasse Artes na Royal Academy.


Em 1826 fundou uma sociedade artística que, em breve, se transformou na Academia Nacional de Desenho. A partir de 1832 ensinou pintura e escultura na Universidade de Nova Yorque, alcançando fama de excelente retratista. Numa viagem de pesquisas à Europa, em 1832, idealizou o Telégrafo por meio do registo electromagnético dos sinais que formam o Alfabeto Morse. O seu primeiro projecto, utilizando electricidade para enviar mensagens para longa distância, não foi aprovado pelos governos francês e inglês, tendo se defrontado com dificuldades económicas. Em 1843, o Congresso dos EUA concedeu-lhe uma verba para que pudesse terminar uma linha telegráfica entre Washington e Baltimore, com a qual teve êxito. Essa linha foi inaugurada em 24 de Maio de 1844.

*Fica quieto de uma vez, daqui a pouco vais querer dançar nas paredes…
(Mãe de Fred Astaire)

Frederick Austerlitz, Fred Astaire, fez a sua primeira apresentação no palco aos cinco anos com a irmã Adele, que o acompanhava em revistas musicais nos anos 20, em Londres. Estreou-se no Cinema em 1915, fazendo um pequeno papel e, em 1933, apareceu ao lado de Joan Crawford em Dancing Lady. Nesse mesmo ano actuou no primeiro de uma série de dez filmes ao lado de Ginger Rogers. Os dois formavam uma par notável, elegante, sofisticado e radioso, conquistando admiradores em todos os cantos do mundo. Hollywood rendeu-se inteiramente á sua arte, valor e simpatia e deu-lhe um Óscar Especial em 1949, pela sua contribuição à técnica dos musicais no cinema. Foi actor, dançarino e cantor e os seus filmes ainda hoje, são revistos com prazer.


*Nada de igualdades, eu sou a tua mãe e tu és o meu filho…
(Mãe de Karl Marx)

Friedrich Engels, disse estas palavras na cerimónia fúnebre de Karl Marx: Marx era, antes de tudo, um revolucionário. A sua verdadeira missão na vida era contribuir, de um modo ou de outro, para derrubar a sociedade capitalista e das instituições estatais por estas suscitadas; contribuir para a libertação do proletariado moderno, ele foi o primeiro a tornar-se consciente da sua posição e das suas necessidades, consciente das condições da sua emancipação. A luta era o seu elemento. E ele lutou com uma tenacidade e um sucesso com quem poucos puderam rivalizar.

Marx foi o homem mais odiado e mais caluniado de seu tempo. Governos, tanto absolutos como republicanos, deportaram-no dos seus territórios. Burgueses, quer conservadores ou ultra democráticos, lançavam difamações. Tudo isso ele punha de lado, como se fossem teias de aranha, não tomando conhecimento, só respondendo quando necessidade extrema o compelia a tal. E morreu amado, reverenciado e chorado por milhões de colegas trabalhadores revolucionários -das minas da Sibéria até a Califórnia, de todas as partes da Europa e da América- e, apesar de ter tido muitos adversários, não teve nenhum inimigo pessoal.


*Pára de mentir! Pensas que, estar sempre a mentir, vai ajudar-te a ser alguém na vida?
(Mãe de…)

Escolha um político, por exemplo, e diga qual foi a sua escolha.

O acaso não existe. Quando alguém encontra algo de que verdadeiramente necessita, não é o acaso que tal proporciona, mas a própria pessoa; seu próprio desejo e sua própria necessidade o conduzem a isso
(Demian)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s