AS MEMÓRIAS QUE A SAUDADE TECE

Há eco no som do silêncio que me envolve no cântico das palavras sussurradas dentro de mim, vindo da poeira das estrelas caprichosas, sábias, inatingíveis, misteriosas e belas. Há memórias que a saudade tece e guarda, no baú brilhante da memória altiva e gloriosa, quando agarra o tempo e o faz renascer como oásis no deserto florido. Há doces lembranças que nenhum furor de vento será capaz de dispersar.

*

A vida é uma aventura ousada ou não é nada
(Hellen Keller)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s