Archive for Junho, 2010

O VOO DO DESENCANTO


Todas as verdades são de fácil compreensão quando descobertas; o problema é descobri-las
(Galileu Galilei)

NASCESTE PARA VENCER

É natural que te apeteça chorar, mas se o soluço te sufocar a garganta endireita as costas, levanta o queixo e sorri frente ao que te considera humilhado. Humilhante é humilhar-se os humildes. É natural que te sintas só e te percas na imensidão da tua solidão mas se ela fizer eco na tua vida e te sentires desesperadamente só, abraça o ar que te rodeia, respira profundamente e lembra-te que a vida é um desafio a longo prazo. É um poema de heróis não de vencidos. Nasceste para vencer. É natural que morras lentamente quando te afogas na saudade e sintas o passado esvair-se pelos dedos como nuvens sopradas pelos ventos. É natural que te vires para trás, na ânsia de caminhar para o aquém do tempo, desejando recuperar sonhos e alvoradas. É natural que as lágrimas queiram deslizar dos teus olhos e os joelhos se dobrem ao peso dos passos parados de quem não sabe por onde caminhar. É possível que a indecisão te desespere e te sintas confusa nos dias, que odeies o mundo que te rodeia e que as pessoas te pareçam sombras esbatidas e fugidias. Só, desprezada, vazia, deambulas sem destino.

Há que iniciar a luta na selva da tua vida. Se te apetece chorar, ri. Se te apetecer quedar estática a um canto sem forças para reagir, levanta-te mesmo que não saibas como. Estática é que não. Os cemitérios é que estão povoados de estátuas adormecidas nos luares das noites frias. Não deixes os outros sentir a extensão da tua pobreza, não mostres a simplicidade dos teus trajes, nem ânsias secretas. Não mostres a tua sede, nem a tua fome, nem o teu abandono. Tu, na selva, para sobreviver, tens de mostrar força. Força dos fortes com dignidade e brilho no olhar. Se te apetecer chorar, ri! Se te apetecer fugir, fica! Se te apetecer acabar, vive! Se te apetecer comer, espalha as migalhas. Se os teus pés estiverem feridos das pedras dos caminhos, dança. Se estiveres desesperadamente só abre os braços ao Infinito. Olha em redor. Há algo vivo à tua espera! Nunca espalhes o teu sangue, a tua dor, o teu suor, a tua vida, sem luta. Na vida, sobrevivem os fortes. Se és fraca, terás de deixar de o ser. (M.E.B)

Todo o ser humano é Divino
(Maria Elvira Bento)

A AUSÊNCIA DE CARINHO, DE ELOGIO, DE DIÁLOGO, AMEAÇA AS FAMÍLIAS



Conceituados terapeutas divulgaram uma recente pesquisa onde se evidencia que os membros das famílias estão cada vez mais frios, mais distantes. Escasseia o carinho, as qualidades não são valorizadas, só se ouvem críticas. As pessoas estão cada vez mais intolerantes, desgastam-se valorizando os defeitos dos outros. Muitas vezes por isso, os relacionamentos de hoje não duram. A ausência de elogio está cada vez mais presente nas famílias de classe média e alta. Os homens foram deixando de elogiar as suas mulheres ou vice-versa; não é frequente vermos chefes elogiando o trabalho dos seus subordinados, nem ver pais, filhos, amigos, elogiando-se mutuamente. Esta ausência de elogio tem afectado significativamente as famílias.


A falta de diálogo nos seus lares, o excesso de orgulho, impede que se diga o que sente e, por isso, frequentemente, levam essa carência para os consultórios. Acabam casamentos, nos quais as pessoas procuram nos outros o que não conseguem dentro de casa. Comecemos a valorizar as nossas famílias, amigos, alunos, subordinados. Vamos elogiar o bom profissional, a boa atitude, a ética, a beleza dos nossos parceiros ou parceiras, o comportamento dos nossos filhos. Vamos observar e ter em conta aquilo de que as pessoas gostam. O bom profissional gosta de ser reconhecido, o bom filho gosta de ser reconhecido, o bom pai ou a boa mãe gostam de ser reconhecidos, o bom amigo quer sentir-se querido, a boa dona de casa valorizada. Vivemos numa sociedade em cada vez mais um de nós precisa do outro; é impossível alguém viver sozinho, e os elogios são uma motivação e um motor poderoso na vida de qualquer mortal. Quantas pessoas poderá fazer feliz hoje, elogiando-as? Comece agora! -Arthur Nogueira (Psicólogo)



Saber encontrar a alegria na alegria dos outros, é o segredo da felicidade
(Georges Bernanos)

O TALENTO DE RONALDO CHEGA AO DESERTO

A alegria dos sete golos da Selecção Portuguesa frente à Coreia do Norte chegou ao mundo, tocou em todos. Na SIC, o correspondente no Médio Oriente falou, no deserto, com um beduíno que não só tinha vista o desafio como conhecia Ronaldo. Disse o seu nome, sorriu, e acrescentou: Ronaldo não joga futebol, ele dança no campo. É o melhor…

Nunca desistas da esperança. Nunca. A esperança é uma afirmação do teu desejo sublime. É o anuncio to seu sonho mais grandioso. A esperança é o pensamento tornado Divino
(Neale Donald Walsch)

A ESPERANÇA ILUMINA AMANHECERES

Se os sonhos não pudessem criar novos tempos, se a esperança não iluminasse cada amanhecer, se a cada novo dia não pudéssemos escrever uma nova história, a vida seria repleta de certezas. Mas, a vida é cheia de incertezas, e é isso que nos estimula a sonhar e a depositar as nossas esperanças no amanhã, sabendo que, o hoje, é uma fonte inesgotável de possibilidades de ser feliz. (autor desconhecido)

A vida não é medida pela quantidade de vezes que respiramos, mas pelos momentos que nos tiram a respiração.
(George Carlin)