AS PALAVRAS NEM SEMPRE SÃO NECESSÁRIAS

 

Os tempos de fascínio não necessitam de elogios, apesar de nos rendermos a eles. Dispensam palavras. Exigem silêncio. É como se voássemos, livres, soltas, pelo Infinito, sussurrando palavras guardadas num coração que sente o respirar do mundo e o teu.

http://www.youtube.com/watch?v=JGq4k8RMe9o

Aprendi com as Primaveras a deixar-me cortar para poder voltar sempre inteira
(Cecília Meireles)
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s