Mais Recente

O BATER DAS ASAS COLORIDAS DE UM ANJO

Anjo 999999

Ao passar agora pelos espaços que foram teus, os meus olhos apoderam-se emotivamente das imagens de encantamento que cativaram. Curiosamente, ficou uma liberdade saudável que não fere. Apenas uma intensa serenidade invade a memória das imagens outrora tocada por deuses, banhada por um Sol quente que ultrapassava os imensos vidros e envolvia a fascinante vontade de ser feliz. Sem dúvidas, sem abandono, sem solidão, sinto o” frou-frou” subtil do bater das asas coloridas de um anjo que, ainda, esvoaça nos corredores por onde respira o céu. Num gesto calmo,saúdo-o. (Maria Elvira Bento)

 

Cada pessoa que passa na nossa vida passa sozinha, e não nos deixa só, porque deixa um pouco de si e leva um pouquinho de nós…
(Charles Chaplin)

 

Anúncios

VOU DANÇAR COM O MEU SONHO

Hoje, vou dançar com o meu sonho. Saltei o muro da realidade fingida e agarrei as imagens ainda vibrantes de um filme do qual fui a protagonista por benevolência, talvez, doutros desígnios mais poderosos que me movimentam o coração. O sonho decorria fora do meu controlo; não o pensei, não o escrevi, não li o argumento, ninguém me pediu opinião. Limitei-me a encostar a cabeça na almofada (macia), aninhar-me nos lençóis -como me preparasse para nascer– e entrar na esfera dos adormecidos. Nada mais do que isto. Mas, já não se dorme como antigamente! As noites agora são povoadas de montanhas russas que cortam alturas, espaços, velocidades numa vertigem que nos baralha e emotiva emoções. E o que deveria ser o tempo de abandono suave e envolvente, num ápice passa (pode) a uma tal e trepidante movimentação que eu, nem nunca nos meus melhores dias, pensei imaginar.(Maria Elvira Bento)

 

 

O futuro pertence àqueles que acreditam na beleza de seus sonhos
(Elleanor Roosevelt)senhora abre baile

QUERO QUE OS MEUS TEXTOS TENHAM ASAS

 mulher no ar

Quero que os meus textos tenham voz e tenham asas. Quero que eles sejam autênticos mergulhos de sensações e descobertas e tenham fascínio irresistível. Quero que eles prendam, arrebatem, conquistem Quero que tenham identidade, aventura e sejam despudoradamente meus sem necessitarem de identificação. Quero-os marcantes como vendavais medonhos ou brisas que me envolvem quando dou as mãos ao Universo e, juntos, deambulamos pelo Mundo em permanente deslumbramento, em passeios arrebatadores. Nós e a magia do acontecer. Quero que os meus textos prendam, arrebatem empolgem. Quero voz nas minhas palavras sussurradas, nos textos agarrados à Vida. Voz clarificadora, partilhada, nas histórias que guardo, que mostro, que vivo, que sonho, que invento, que fecho a sete chaves nos compartimentos de uma memória brilhante que, lentamente, vai construindo enredos. Quero que os meus textos tenham voz e tenham asas. Eu, liberto-os. Para ti. (Maria Elvira Bento)

 

 

Quando se ama não é preciso entender o que se passa lá fora, pois tudo passa a acontecer dentro de nós.

(Clarice Lispector)

POR TI, VESTI-ME DE SOL

 Mulher de Sol9

Hoje, num ritual invulgar, vou-me vestir de Sol! Vou vestir-me silenciosa e lentamente saboreando o prazer difuso de uma ambição desmedida que cresce e nasce dos confins de muitos Aléns que a memória guarda para lá dos séculos, do tempo que dominamos, e guardamos, na ânsia de o agarrar no movimento de estar e de sentir. Vou pegar na minha ambição de Amor por esta universalidade que me compõe e vou subir aos espaços que não domino mas onde habito numa convivência paralela ou dimensionada noutras nuvens que me abrilhantam e iluminam. Quero resplandecer. Há muito que guardo o Sol na palma da minha mão em sonhos que aconchegam e salvam.

Vou vestir-me de Sol pois é lá que me movo quando ultrapasso as fronteiras que desbravo numa conflitualidade assumida e não cumprida nos limites da razoabilidade humana. Sou audaz, indisciplinada. Sou mais do que deveria ser mas sou Eu na forma pura de existência que oscila entre as dúvidas e as certezas. Vou vestir-me de Sol, milímetro por milímetro. Vou ficar com asas, ficar estrela, guerreira, deusa, rainha de luz, com cintilações poderosamente ofuscantes que, poeticamente, vão polir as árvores que olhar e os rios que fixar serão veios de ouro corrente reluzindo a céu aberto. E quando começar a escutar o sopro da melodia do vento e sentir que ele me quer envolver na brisa perfumada e refrescante como murmúrio de mar ciumento aí, vestida de magia e de Sol, sorrirei, sedutoramente, e contar-lhe-ei um segredo que ele nunca saberá guardar. O segredo fala de ti. É para ti. Por ti, vesti-me de Sol…

Sorriste e nesse instante roubaste o fascínio do meu silêncio. O teu sorriso tem brilho de Alma. Tem beleza, encanta, amacia desassossegos, desencantos, arruma-nos, enquadra-nos na vida, posiciona-nos nos desafios, ilumina esperanças esbatidas quando cedemos ao desalento. Por ti sou capaz de percorrer o Universo, para encontrar o teu sorriso. Ele fala por ti. Fala de ti. Tem fascínio. Por isso quando sorriste, abri os braços deslizei rumo ao Sol e sorri-te num poema inconfessado. (Maria Elvira Bento)

Há pessoas que nos falam e nem as escutamos, há pessoas que nos ferem e nem cicatrizes deixam mas há pessoas que simplesmente aparecem em nossas vidas e nos marcam para sempre.

(Cecília Meireles)

BRILHA NO TEU CÉU E NÃO È ESTRELA

 senhora e tango

É especial e está sempre presente, mas não é Deus. Refresca no Verão, mas não é sorvete. Aquece o inverno, mas não é chocolate quente. É sagrado, mas não é santo. Faz rir mesmo nos momentos mais difíceis, mas não é anedota. Enxuga as tuas lágrimas, mas não é lenço de papel. Escuta-te horas a fio, vai fundo, te desnuda a Alma e não é psicólogo. Brilha no teu céu e não é estrela. Ilumina o teu dia mas não é Sol. Aconselha-te, orienta-te mas não é guru. Faz-te festa e não é cachorrinho. Quando aparece é sempre uma boa surpresa e não é presente. Adoça a tua vida e não é chocolate.

Mostra-te o horóscopo, traz-te informações, liga-te com o mundo, e não é a Internet. Fortalece-te, enche-te de vitalidade, mas não é vitamina. Dá cor aos teus sonhos e não lápis de cor. Vê através das tuas palavras e não é aparelho de raio X. Descobre os teus pensamentos e não é vidente. Vibra incondicionalmente por ti mas não é um craque de futebol,

Descobriu o que é? Tem cinco letrinhas

AMIGO!

(Sandra Kruck)

O homem é um pedaço do Universo cheio de vida
(Ralph Waldo Emerson)